O diretor da AMVAR, dr. Paulo Corte, reforçou que o Ciclo de palestra tem como objetivo o aperfeiçoamento profissional, bem como o compartilhamento de informações e atualizações, integrando profissionais e estudantes de medicina veterinária.

A gestão da clínica veterinária e suas potencialidades no universo do mercado pet foram os pontos principais da palestra ministrada pelo médico-veterinário, dr. Renato Campello Costa, para os integrantes e convidados da Associação dos Médicos Veterinários de Araras e Região (AMVAR), nesta quarta-feira (8), na sede da Acia.

Renato é membro Global Veterinary Advisory Board e contabiliza mais de 60 conferências no Brasil e exterior, envolvendo temas como gestão, marketing, relacionamento com os clientes e planejamento estratégico no universo dos pets. Cerca de 70 veterinários e empresários do mercado pet participaram do encontro, realizado em parceria com laboratório Ourofino Saúde Animal e da distribuidora Animalia.

Durante a palestra, Renato destacou a importância do investimento em gestão para aprimoramento da atividade veterinária. “O médico veterinário forma-se como um clínico, no entanto está à frente do comando de suas clínicas e pet shops. A grande taxa do fracasso deve-se ao não conhecimento de aspectos administrativos e financeiros”, alertou o palestrante.

Para Renato, o conhecimento de estratégias financeiras e comerciais são determinantes para o sucesso de uma clínica e pet shop. “O Demonstrativo de Resultado de Exercícios (D.R.E.) é a ferramenta mais adequada para o planejamento e controle, porém, mais de 90% das clínicas em todo o mundo não colocam em prática, ou seja, não cuidam do negócio com a devida atenção e planejamento”.

A elaboração das receitas da clínica ou pet (vendas), os custos fixos e variáveis, lucro líquido e lucratividade foram temas analisados por Renato no decorrer da palestra. “Quem faz o DRE sempre prospera porque tem conhecimento do próprio negócio, sabe onde estão as falhas e acertos, aproveitando melhor as oportunidades”.

Renato também ressaltou que o relacionamento com os clientes é uma ciência da qual os veterinários precisam se apropriar para fazer diferença e obter vantagens competitivas. “A humanização dos animais tem sincronia com o avanço do mercado pet. Isso significa que o veterinário precisa gostar de gente, dos donos, o que são tão importantes quanto o cuidar dos animais”.

Essa percepção, observa Renato, exige que o profissional adote uma nova forma de relacionar. “Não podemos atuar somente na área da cura e da dor. Temos que desenvolver uma medicina preventiva e de atenção contínua, promovendo o bem-estar permanente e a longevidade do animal. Isso nos leva a ter uma estreita relação com os pets e seus donos e familiares”.

O diretor da AMVAR, dr. Paulo Corte, reforçou que o Ciclo de palestra tem como objetivo o aperfeiçoamento profissional, bem como o compartilhamento de informações e atualizações, integrando profissionais e estudantes de medicina veterinária. A próxima atividade será a participação dos associados na Caravana Pet, dia 22, em São Paulo. Já palestra de 11 de setembro será em torno do tema tratamento conservativo da displasia.


Aviso: Os comentários só podem ser feitos via Facebook e são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, sendo passível de retirada, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here