Agentes flagram festa clandestina e comerciante é multada em R$ 214 mil em Artur Nogueira, SP

Cerca de 50 pessoas estavam no estabelecimento, no bairro Coração Criança. Proprietária foi autuada por perturbação do sossego e por não seguir as regras sanitárias contra o coronavírus.

A Vigilância Sanitária de Arthur Nogueira (SP) multou a proprietária de um estabelecimento comercial em R$ 214,3 mil por ter realizado uma festa clandestina durante a pandemia de Covid-19. O flagrante foi feito na noite deste sábado (5) no bairro Coração Criança.

Segundo a Vigilância municipal, os agentes chegaram ao local durante uma fiscalização para averiguar o cumprimento de medidas contra a pandemia durante o feriado prolongado de Corpus Christi. A ação foi feita em conjunto com a Polícia Militar e a Guarda Municipal.

A equipe chegou ao local, que fica na Rua Rico Guidolin, pouco depois das 22h30 e encontrou cerca de 50 pessoas sem máscara de proteção. Aos agentes, a proprietária relatou que era só uma festa. De acordo com a prefeitura, o evento clandestino foi cancelado com a chegada da equipe.

A proprietária foi multada em R$ 3,3 mil por perturbação do sossego público e também por não seguir as regras sanitárias contra o coronavírus, no valor de R$ 211 mil. A Vigilância Sanitária também lacrou o estabelecimento comercial por falta de alvará de funcionamento.

Durante a operação, foram fiscalizados 30 estabelecimentos comerciais, sendo quatro notificados para regularização de documento e o local lacrado. Na Lagoa dos Pássaros e na Avenida 15 de novembro, a operação também dispersou uma aglomeração de pessoas durante a noite.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT