Anúncio
Clique na imagem. Link direto para Whatsapp

Especialistas recomendam seguir uma dieta saudável e equilibrada, rica em frutas, legumes e vegetais e bastante ingestão de água.

Uma boa alimentação é o segredo para uma gestação saudável que vai garantir a nutrição adequada para a gestante e o bebê, que está em processo de formação. A orientação é uma dieta saudável e equilibrada, rica em frutas, legumes e vegetais, com uma média de seis refeições diárias, além de beber muita água.

“Nós orientamos uma alimentação balanceada, duas refeições grandes que são o almoço e o jantar e outras quatro fracionadas. Além disso, beber pelo menos 2,5 litros por dia”, explica a nutricionista Francisca Rosemary de Moraes.

Também é preciso escolher e preparar corretamente os alimentos. O que for consumido cru, como frutas, legumes e verduras devem ser bem lavados. Já as carnes devem ser bem passadas. O peixe cru e carne mal passada podem transmitir a toxoplasmose.

“Eu passei a consumir alimentos mais saudáveis. Parei de beber refrigerante, não como mais frituras, reduzi o sal e estou comendo mais vegetais e saladas. Antes da gravidez eu não me preocupava tanto com a água, mas ultimamente tenho bebido mais de 2 litros por dia”, conta a economista Beatriz Saturnino.

Os ovos também devem ser alvo de atenção. Alimentos que os usam sem cozimento adequado, como mousses, maionese e o molho à carbonara, devem ser evitados pelo risco da contaminação por salmonela.

Os cuidados devem ser redobrados nos casos de risco, como a gravidez na adolescência, em que aumenta a possibilidade de hipertensão, ou a gestação após os 36 anos, quando há maior chance de malformação do bebê.