Alimentos que Ajudam a Emagrecer – Conheça 12 opções comprovadas!

hand of woman pouring smooties to glass

Cada um tem sua função: saciar, drenar, purificar. Separamos uma lista com os melhores.

Existem alimentos que ajudam a emagrecer? Felizmente, sim. Certas escolhas alimentares podem promover a perda de peso e fornecer os nutrientes de que você precisa para manter seu corpo e mente funcionando bem.

Há vários estudos que mostram que alguns alimentos são mais adequados do que outros nesse aspecto. Cada um tem sua função: saciar, drenar, purificar. Separamos uma lista com os melhores. Leia com a gente!

1. Pão integral

Muitas pessoas escolhem o pão para acompanhar almoços e jantares. Mudar do pão branco para o integral pode ajudá-lo a perder peso. Como? O pão integral lhe ajuda a ficar satisfeito por mais tempo, evitando que sinta fome indesejada em algum momento do dia.

Além disso, os pães integrais ajudam a proteger contra doenças crônicas, incluindo doenças cardíacas, diabetes tipo 2 e alguns tipos de câncer. Os pães exercem seus benefícios regulando a função intestinal, aumentando a massa fecal e alimentando bactérias intestinais saudáveis.

2. Nozes

Outro dos alimentos que ajudam a emagrecer é a noz. Ao tentar perder peso, os alimentos com alto teor de gordura costumam ser os primeiros a serem deixados de lado. Mas as nozes, como todas as frutas secas, fornecem uma grande quantidade de energia e nutrição.

São ricas em fibras, que o ajudam a se sentir saciado por mais tempo, e em vitaminas como as do grupo B, mas também em sais minerais como o magnésio e o zinco. Muitos estudos mostram que comer nozes é útil para reduzir o risco de doenças cardíacas e para impedir o aparecimento de diabetes tipo 2.

3. Pepinos

Os pepinos, ótimos alimentos que ajudam a emagrecer, possuem apenas 16 calorias por 100 g. São compostos principalmente por água, sendo fonte de vitamina C e conhecidos por sua ação anti-inflamatória e diurética.

Assim como usar o Detox Caps faz, já que através da diurese o mesmo auxilia a expulsar as toxinas de seu organismo que apenas auxiliam no processo de ganho de peso.

4. Couve-flor

A couve-flor sempre foi considerada um dos alimentos que ajudam a emagrecer e dietético por ser livre de gordura e ser rica em vitamina C. A melhor forma de ingeri-la é crua, em fatias finas e levemente cozidas no vapor para que fique crocante, buscando estimular a mastigação e a sensação de saciedade.

5. Aipo

75% do aipo é feito de água. Os outros 25% são fibras. Rico em sódio e potássio, é perfeito nos sucos pós-treino para quem visita a academia corriqueiramente.

6. Carnes magras

Embora não sejam exatamente alimentos com “calorias negativas”, carne de porco magra, peru e frango são excelentes fontes de proteína, que fazem o sistema digestivo trabalhar mais, aumentando temporariamente o metabolismo e, assim, queimando mais calorias.

O corpo requer mais energia para digerir as proteínas da carne do que para digerir carboidratos. Além disso, as carnes magras fornecem muita energia e fazem você se sentir saciado por muito tempo, evitando a introdução de calorias em excesso.

7. Tomates

Os tomates também estão na lista de alimentos que ajudam a emagrecer. Saborosos e ricos em licopeno, os tomates também são benéficos quando cozidos. De acordo com estudos recentes, os tomates cozidos têm um efeito comparável ao das estatinas em pacientes com problemas de colesterol alto ou pressão alta.

Isso graças ao licopeno, um composto que dá aos tomates maduros sua cor vermelha brilhante e é considerado um poderoso antioxidante, assim como o Detox Caps. O Detox Caps funciona mesmo e você precisa conhecê-lo!

8. Mamão

É rico em vitamina C, enzimas digestivas e contém beta-criptoxantina, um antioxidante que reduz o risco de poliartrite. A fibra de mamão é útil contra a constipação e mantém o colesterol sob controle.

9. Pimenta

É considerada a “queimadora de calorias” por excelência, pois graças à presença da capsaicina, a pimenta malagueta aumenta a taxa metabólica, fazendo com que o corpo queime mais calorias imediatamente após ingeri-la.

10. Maçãs

Melhores verdes. Embora não sejam alimentos com calorias estritamente negativas, as maçãs verdes são ricas em fibras alimentares, o que aumenta a saciedade, reduz a fome e é benéfico para a perda de peso.

11. Café 

2 calorias por xícara, sem açúcar ou outros adoçantes, é uma ótima opção entre os alimentos que ajudam a emagrecer. Beber café amargo e com moderação é a melhor coisa a se fazer. É um alimento termogênico e estimula a queima de gordura para obter energia. O café é capaz de reduzir a sensação de fome e aumentar o metabolismo.

12. Não se esqueça da importância da água

Nossos corpos precisam de muita água para realizar uma variedade de funções: equilíbrio de fluidos, regulação da temperatura corporal, desempenho cognitivo, funções gastrointestinais, renais e cardíacas.

Beber muita água também melhora a aparência da pele e pode reduzir a probabilidade de dores de cabeça. Ouvir os sinais de fome e sede pode fazer uma grande diferença ao tentar perder peso.

Frequentemente, entretanto, esses dois sinais se confundem. Quando você pensa que está com fome, experimente beber um copo d’água: na maioria dos casos, a fome desaparecerá.

Escolha os alimentos corretos

Quando a fome é sentida, entre as refeições, é mais fácil recorrer ao pacote de salgadinhos, biscoitos, salgadinhos ou um pedaço de chocolate do que a esses alimentos acima citados.

Os alimentos com calorias negativas, por outro lado, devem ser a escolha certa para o lanche, pois permitem não engordar, e sim emagrecer, pois ao ingeri-los o corpo queima mais calorias do que introduz.

Aa ideia de uma dieta totalmente baseada em alimentos de calorias negativas é potencialmente prejudicial, já que focar exclusivamente em alimentos de baixa caloria como forma de perder peso você pode acarretar na falta de gorduras e proteínas, que são vitais para a saúde.

Lembre-se de realizar exercícios físicos regulares

Por fim, lembre-se de que a prática de exercícios físicos de maneira contínua irá ajudar e muito no processo de emagrecimento. Mais do que apenas seguir uma dieta e aguardar resultados, mexa-se.

Pode ser algo leve, como uma volta no parque com seu cão adestrado ou então corridas controladas por cronômetro, mas trate de se mexer pelo menos 3 vezes por semana. Até a próxima!

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT