Animais abandonados são resgatados em Araras, SP

Dois animais (irmãos), de aproximadamente 1 ano, foram deixados para morrer de fome e frio, nas proximidades da barragem da Usina São João

Infelizmente o abandono de animais está cada dia mais presente nos noticiários. Mesmo com tantas campanhas contra a prática, muita gente ainda comete esse crime – principalmente quando é época de férias, mesmo não havendo um número exato, as estatísticas dos institutos de pesquisa afirmam que nos períodos de férias há um pico no abandono de animais.

Neste final de semana, dois animais (irmãos), de aproximadamente 1 ano, foram deixados para morrer de fome e frio, nas proximidades da barragem da Usina São João, em Araras (SP). O protetor dos animais e radialista Fredo Júnior, tomou conhecimento dos fatos e não mediu esforços para fazer o resgate do cães.

“Os animais estão bem e se encontram em um lar temporário” disse Fredo
Abandono de animais é crime e precisa ser denunciado
A Lei 9605/98 (Lei de Crimes Ambientais) prevê os maus-tratos como crime. O decreto 24645/34 (Decreto de Getúlio Vargas) determina quais atitudes podem ser consideradas como maus-tratos. Qualquer pessoa que for testemunha de um abandono de animais domésticos ou exóticos, podem ir à delegacia mais próxima. A Promotoria de Justiça permite a denúncia anônima. Mas, para que a denúncia seja realizada, você precisa ter certeza do crime, pois, uma acusação falsa é outro crime. Além disso, no momento da denúncia, na delegacia, é preciso passar o maior número de informações possíveis em relação ao infrator, como seu endereço residencial ou comercial.
Caso o animal esteja abandonado em um terreno baldio ou propriedade particular, por exemplo, não hesite em invadir o local para salvar o bichinho , a sua ação será amparada pela lei. O decreto de lei número 2.848/40, artigo 24, considera a invasão para salvamento de um animal em perigo uma atitude de necessidade e, portanto, não haverá nenhum tipo de punição.
Além do abandono, outras práticas são consideradas crimes pela lei. Uma delas é o atropelamento de um animal sem que haja a prestação de assistência por parte do condutor do veículo também é ilegal. Se presenciar essa situação, anote a placa do carro, hora e local. Outra é a ameaça de envenenamento. Bater, espancar, prender por correntes, recusar água e comida e obrigar ao trabalho excessivo também são práticas proibidas.

Algumas pessoas preferem não denunciar pelo fato do infrator ser alguém próximo, um amigo ou familiar, por exemplo. Mas lembre-se de que é possível efetuar a denúncia de maus tratos ou abandono de aniimas de forma anônima. Por isso, ao presenciar qualquer situação que possa colocar um animal em risco, tire foto, gave um vídeo, tenha provas concretas do acorrido e denúncie. Você será apenas a testemunha, o Estado fará o restante.
clique na imagem e saiba mais