Anvisa divulga lista de 152 emagrecedores proibidos no Brasil

Agência afirma que intenção é ajudar consumidores e médicos a terem um acesso maior à informação.

Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) divulgou na sexta-feira (25), uma lista de produtos emagrecedores irregulares, que estão proibidos no Brasil. Os produtos são similares ao chá em cápsulas para perda de peso “50 ervas emagrecedor”, que possivelmente está ligado à morte da enfermeira Edmara Silva Abreu, de 42 anos, no início de fevereiro de 2022.

De acordo com a agência, a intenção é de ampliar o acesso à informação por parte de médicos, pacientes e estabelecimentos que vendem produtos do tipo e evitar riscos. A lista será atualizada mensalmente e contém produtos que não tiveram sua segurança, eficácia e qualidade avaliados ou estão sendo comercializados de forma irregular.

Você pode conferir a lista completa, que tem produtos como Sibutramina, Castanha da Índia e o próprio 50 Ervas Emgarecedor, aqui.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP