Após denúncia, policiais do SIG realizam prisão em flagrante por tráfico de drogas na região norte de Araras, SP

PUBLICIDADE

Nesta quinta-feira (14), os policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Araras (SP) realizaram uma grande apreensão de drogas e detiveram um indivíduo durante uma ação de combate ao crime pelo Parque das Árvores, na região norte da cidade.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, os investigadores através de denúncia tomaram conhecimento de que pela Rua Antônio Corte, existia intenso tráfico de entorpecentes liderado por três pessoas de uma mesma família, as quais comandavam um grupo de diversos indivíduos, inclusive  menores  de  idade.

Campanas com viaturas descaracterizadas   

Mediante  essa informação, desde o início da semana começaram a fazer campanas com viaturas descaracterizadas no local, no período da noite, sendo que de fato, a informação se mostrava verídica. Desde então perceberam a movimentação de um dos suspeitos no local onde o tráfico era realizado, sendo um rapaz com o pé engessado.  Nesta tarde, por volta das 18 hs, os investigadores do SIG realizaram a abordagem às pessoas denunciadas, sendo que nada de ilícito foi encontrado.  

PUBLICIDADE

O investigador Rafael se afastou e percebeu que o jovem abordado ia até a esquina para ver o que estava acontecendo, sendo que o mesmo aparentava nervosismo. Quando deixaram o local e se aproximaram da esquina, onde estava o indivíduo, a mulher apontada na denunciada como uma das chefes do tráfico no local, da sua casa gritou “sujou, joga”. No mesmo momento o rapaz correu, retornando para sua casa, entrou, e o investigador Ely, avistou do portão que ele lançou de dentro da casa, um invólucro, que foi jogado no terreno ao lado.constatando-se que se tratava de porções de cocaína e crack.

Prisão em flagrante

Os policiais civis chamaram o indivíduo no portão, porém o mesmo não atendeu, sendo que ingressaram na casa, levantando o portão, e ele foi detido no interior da casa, e ao ser indagado nada falou sobre os fatos. Diante dos fatos ele recebeu voz de prisão em flagrante sendo apresentado no plantão da Central de Polícia Judiciária onde após ser ouvido pelo Dr. Edgar Albanez, permaneceu à disposição da Justiça.

Durante a ação foram apreendidos no interior da residência um celular lphone, sete comprovantes de pagamentos em nome da investigada, R$ 259,00, e no invólucro que o preso jogou no terreno ao lado foram apreendidos 192 pinos de cocaína e 45 pedras de crack.

PUBLICIDADE
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP