Banco Central lança primeira moeda colorida para comemorar 200 anos da Independência; veja os valores

PUBLICIDADE

A moeda de prata será vendida ao público por R$ 34, enquanto a de cuproníquel será vendida por R$ 420. Ambas estarão disponíveis em embalagens especiais, lembrando justamente os 200 Anos da Independência do Brasil.

O Banco Central anunciou nesta terça-feira (26) o lançamento de duas moedas voltadas para colecionadores em comemoração aos 200 Anos da Independência do Brasil. Uma das moedas será a primeira com uso de cores já utilizada no país.

Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, salientou que o fato histórico consolidou a vontade dos brasileiros de tornar o país uma nação soberana, livre e independente. “Nós entendemos que olhar com orgulho para o passado, reconhecendo nossas conquistas, nos ajuda a projetar o futuro”, ressaltou.

PUBLICIDADE

Moeda de prata

Uma das moedas foi feita de prata. Ela tem diâmetro de 30 mm, valor de face de R$ 5, tiragem inicial de 10 mil unidades e tiragem máxima de 40 mil unidades.

No anverso (parte de trás de uma moeda), o item possui uma composição de imagens: o quadro “Sessão de Conselho de Estado”, de Georgina de Albuquerque, que está no Acervo do Museu Histórico Nacional, e a litografia “Dom Pedro I: Imperador”, de Sébastien Sisson, que pertence à Biblioteca Brasiliana Guita, e José Mindlin da USP.

No reverso, a moeda de prata apresenta a bandeira brasileira, o valor de R$ 5 e ainda a 1ª estrofe do Hino da Independência. “Já podeis, da Pátria filhos; Ver contente a mãe gentil; Já raiou a liberdade; No horizonte do Brasil”.

Moedas comemorativas lançadas pelo Banco Central pelo bicentenário da Independência — Foto: Banco Central/Reprodução

Primeira moeda colorida

A outra moeda foi feita em cuproníquel (que é uma liga metálica de cobre com até 30% de níquel). Ela tem diâmetro de 40 mm, valor de face de R$ 2, tiragem inicial de 5 mil unidades e tiragem máxima de 20 mil unidades.

O item terá no anverso (parte de trás de uma moeda) o quadro “Independência ou Morte”, pintado por Pedro Américo, obra que está disponível no Acervo Museu Paulista. A cena retrata o icônico “grito da Independência”, supostamente proclamado por Dom Pedro nas margens do Rio Ipiranga, em 7 de setembro de 1822.

No reverso, onde aparece o valor, a unidade tem uma faixa em movimento pintada em verde e amarela, sendo a primeira moeda com uso de cores do país. Além disso, na parte da frente há a 1ª estrofe do Hino da Independência.

Preço e disponibilidade

A moeda de prata será vendida ao público por R$ 34, enquanto a de cuproníquel será vendida por R$ 420. Ambas estarão disponíveis em embalagens especiais, lembrando justamente os 200 Anos da Independência do Brasil.

De acordo com o Banco Central, as vendas serão efetuadas exclusivamente pelo site do Clube da Medalha da Casa da Moeda do Brasil. Acesse: www.casadamoeda.gov.br

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP