Banco é cortado após moradores notarem semelhança com órgão sexual e causar repercussão na web

Bancos instalados em praça de Bauru (SP) foram feitos com o reaproveitamento de um Timburi de mais de 50 anos, que caiu por conta dos fortes ventos. Internautas fizeram piada nas redes sociais.

O formato fálico de um dos novos bancos de madeira instalados no Parque Vitória Régia, em Bauru (SP), chamou atenção de moradores da cidade e gerou repercussão nas redes sociais. Após a polêmica pela semelhança com órgão sexual masculino, o banco foi achado cortado na quinta-feira (16).

Segundo a prefeitura, os novos bancos foram feitos com madeira de reaproveitamento de um Timburi de mais de 50 anos, que caiu no parque no mês passado por conta dos fortes ventos.

clique na imagem e saiba mais

Como a árvore era muito grande, a prefeitura teve a ideia de reaproveitar os troncos. Equipes da Secretaria de Obras e da Emdurb trabalharam no corte, modelagem e disposição dos bancos.

“Foi uma forma de homenagear o Timburi, árvore típica das áreas de transição do Cerrado, que nasceu antes mesmo da construção do Parque”, ressaltou o prefeito Gazzetta em nota enviada.

No entanto, muitos moradores destacaram o formato fálico em uma das peças de madeira. Os internautas fizeram piadas com a situação e o assunto gerou comentários e curtidas nas redes sociais. (Veja abaixo)

Após a repercussão, o banco foi cortado na quinta-feira (16), o que causou ainda mais repercussão. “Informações de que o banco do parque Vitória Régia passou por procedimento”, comentou um dos internautas.

Questionada sobre a repercussão, a prefeitura não comentou sobre o fato e também não confirmou quem fez o corte.