Black Friday 2021 deve crescer 25% no comércio eletrônico, aponta pesquisa

Produtos de informática, celulares, eletrônicos, moda e acessórios, casa e decoração estão entre os mais desejados pelos consumidores.

A Black Friday 2021, que será no dia 26 deste mês, terá um desempenho melhor que o ano passado no comércio eletrônico. Segundo pesquisa da Associação Brasileira do Comércio Eletrônico (ABComm), as vendas devem ser 25% maiores em relação a 2020.

No entanto, em relação ao ticket médio das compras neste ano, o levantamento aponta que deve ser menor que em 2020. Os brasileiros pensam em gastar em média R$ 620 por compra, ante R$ 668,70 no ano passado.

As categorias em destaque de desejos dos brasileiros este ano são informática, celulares, eletrônicos, moda e acessórios, casa e decoração. Pesquisa realizada pelo Google aponta que 64% dos brasileiros pretendem comprar algo durante a Black Friday de 2021.

No ano passado, as vendas da Black Friday passaram de R$ 5,1 bilhões – valor 31% maior do que o mesmo período em 2019. Os itens com maior volume de compras em 2020 foram: moda e acessórios, beleza, perfumaria e saúde, artigos para casa, entretenimento e eletrodomésticos e ventilação.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT