Brasil começa Eliminatórias com 100% de aproveitamento e justifica favoritismo nas apostas esportivas

A Seleção Brasileira começou as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 da melhor forma possível.

Com 100% de aproveitamento nas quatro primeiras rodadas, a equipe comandada por Tite parece disposta a confirmar a vaga no Mundial e também o favoritismo nas apostas para o título no Catar. O Brasil é o único entre os favoritos que venceu todas as partidas que disputou neste ano.

Segundo as cotações de apostas online, no dia 24 de novembro, o Brasil aparecia no topo da lista de favoritos para o título da Copa do Mundo de 2022. Com 18,2% de chance de título, a equipe é acompanhada de perto por França, Alemanha e Espanha. Entretanto, é a única dessas quatro equipes que está mostrando um futebol mais consistente neste ano, principalmente após o início das Eliminatórias.

Após quatro rodadas disputadas, a Seleção Brasileira lidera com 100% de aproveitamento e 12 pontos conquistados. A equipe venceu a Bolívia, o Peru, a Venezuela e, mais recentemente, o Uruguai. Assim, as cotações parecem mais do que certas para o Brasil, que não deve ter qualquer dificuldade para garantir vaga no Mundial de 2022. A missão de Tite vai ser transformar esse favoritismo em uma taça daqui a menos de dois anos.

clique na imagem e saiba mais

O início das Eliminatórias foi um excelente teste para a equipe, e não apenas pela maior dificuldade dos jogos. Com uma série de cortes, Tite teve que improvisar alguns novos jogadores e, mesmo assim, conseguiu bons resultados. Isso mostra que a Seleção tem muitas peças disponíveis e isso é essencial para chegar no Catar com grandes chances de título. Afinal, lesões e outros problemas são comuns em grandes torneios.

Outros favoritos

Enquanto o Brasil se mantém 100% neste ano, os outros favoritos nas apostas ainda enfrentam dificuldades para mostrar bom futebol. Na Liga das Nações, França e Espanha avançaram de fase, mas com algumas dificuldades nos gramados. A inconsistência dos dois times ainda é algo criticado e que pode prejudicar no longo prazo, principalmente os franceses, atuais campeões mundiais. A equipe de Mbappe e Pogba mostrou alguma dificuldade quando enfrentou equipes de alto nível.

Já a Alemanha passa por um momento delicado. A derrota por 6 a 0 contra a Espanha foi humilhante e deve causar mudanças nos próximos meses. O elenco alemão não foi bem no Mundial de 2018 e tinha esperança em conseguir mostrar algo diferente no Catar, mas os sinais são negativos para os europeus. Contudo, não se pode duvidar da capacidade de uma seleção que já foi quatro vezes campeã mundial.

Assim, a Seleção Brasileira parece ser a única a confirmar todo o favoritismo que as apostas indicam. Entretanto, isso não é o mais importante, pois a equipe precisa transformar isso em resultado prático. Em 2018, o Brasil também estava entre os favoritos e caiu nas oitavas de final. Como falamos, o objetivo de Tite é aprender com os erros e tentar chegar no Catar com um pensamento diferente para conseguir sair com o sonhado sexto título mundial. Uma tarefa que não será fácil, mas que está longe de ser impossível.