Cabeamento de fibra ótica vai permitir economia, instalação de câmeras de segurança e wifi gratuito nas principais praças de Araras, SP

Licitação foi aberta pela Prefeitura Municipal para contratação de empresa, que vai instalar 120 km de fibra ótica, beneficiando 115 pontos públicos da cidade.

A Prefeitura Municipal de Araras (SP) deu a largada para a implantação da rede de fibra ótica em praças e prédios públicos, incluindo unidades de ensino e saúde, com a abertura de licitação para contratar empresa especializada no setor. A publicação foi feita no Diário Oficial Eletrônico do último sábado (28) e está disponível no site da Prefeitura de Araras – araras.sp.gov.br.

Serão 120 km de fibra ótica passando pela cidade, beneficiando 115 pontos, com o objetivo de melhorar o sistema de telecomunicações e o atendimento à população. Com a interligação, o acesso à internet ficará mais rápido, seguro e terá maior disponibilidade, dinamizando a transmissão de dados e o trabalho administrativo nos mais diversos setores.

De acordo com o projeto da Secretaria Municipal da Administração, elaborado pela equipe do DTI (Departamento de Tecnologia e Informação), a modernização tecnológica terá redução de custos, agilidade na resposta das solicitações encaminhadas à Prefeitura, economia telefônica, mais controle administrativo e funcional, além de permitir a instalação de câmeras de segurança nas entradas das escolas e wifi gratuito nas principais praças da cidade.

“Um dos nossos objetivos é levar internet de alta velocidade para todas as Secretarias e departamentos da Prefeitura. O custo inicial para a implantação do projeto é de R$ 10 mil por ponto de acesso. Com a redução nos gastos de telefonia, pagaremos isso em dois anos”, comentou o diretor do DTI, David Eloan da Cruz.

As pastas contendo os editais e anexos estão disponíveis aos interessados no Departamento de Compras, localizado na Rua Pedro Álvares Cabral, 81, Centro, das 9h às 16h. O conteúdo também pode ser obtido no site da Prefeitura em araras.sp.gov.br/licitação. As propostas serão recebidas até o dia 18 de julho. Após a contratação e assinatura do contrato, a empresa terá 180 dias para implantação da rede.

Siga Beto Ribeiro Repórter e FATOS POLICIAIS no facebook, e fique por dentro de todas as novidades!