Cadeirantes fazem protesto e pedem mais acessibilidade em Rio Claro, SP

384

‘Cadeiraço’ teve a participação de 50 pessoas.

Cadeirantes de Rio Claro (SP) fizeram um ‘cadeiraço’ para pedir mais acessibilidade nas ruas da cidade. Cerca de 50 pessoas participaram do protesto, realizado no centro da cidade, neste sábado (14).

Rosângela Fonseca é mãe de uma cadeirante e passa por problemas todos os dias. “Todas as vezes que eu saio com ela, eu vou pela rua porque não tem condições de andar pela calçada”, contou.

Ela também diz que as rampas nas calçadas não são adequadas. “Elas caem num buraco, não terminam no mesmo nível da rua, então a cadeira tem uma queda”, explicou Rosângela.

Segundo a presidente da ONG Mais Forte que a Deficiência, Rita de Cássia Leite, o objetivo é mostrar o problema para a comunidade. “Para que a sociedade veja as dificuldades que a gente enfrenta no dia a dia”, afirmou.

A Prefeitura de Rio Claro informou que tem um programa que transporta cadeirantes e que mantém rampas de acesso em locais públicos. Disse ainda que está intensificando a fiscalização de buracos em calçadas e que segue a legislação de acessibilidade para novas construções.


Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.