Ciclista ararense de 46 anos é atropelada por motociclista que fugiu sem prestar socorro em Artur Nogueira, SP

Familiar diz que ciclista está bem; motocicleta está apreendida e passará por perícia.

Uma ciclista ararense, de 46 anos, foi atropelada por um motociclista na manhã deste sábado em Artur Nogueira (SP). Ela foi socorrida para o Hospital Bom Samaritano e seu quadro clínico é bom, de acordo com seus familiares. A informação é do Portal Nogueirense.

Um grupo de aproximadamente 15 ciclistas que saiu de Araras (SP), e seguia para a cidade de Holambra (SP), quando ao passar por uma estrada de terra, perto do bairro da Parada, um motociclista bateu contra a mulher a derrubando ao solo. Com o impacto o motociclista também caiu porém fugiu do local.

Ferimentos na cabeça

O esposo da vítima conta que o motociclista, com uma Honda/CG Titan já tinha passado pelo grupo de ciclista fazendo manobras e dirigindo próximo das pessoas. Após uma segunda passagem, ele colidiu contra a ciclista, derrubou um outro homem (que não se feriu) e fugiu do local sem prestar socorro.

A mulher teve ferimentos na cabeça (mesmo com o uso do capacete), nos joelhos e na nuca. Enfermeiros que também pedalavam com o grupo deu o primeiro atendimento a vítima.  A Polícia Militar foi até o local, juntamente com a equipe do Resgate Municipal que realizou a remoção da mulher e a encaminhou até o Pronto-Socorro do Hospital Bom Samaritano.

Passou por procedimentos médicos

A motocicleta, com placas de Artur Nogueira, foi apreendida pela Polícia Militar e levada até a Delegacia de Polícia onde será deixada à disposição da Polícia Científica no pátio de apreensões de Cosmópolis (SP).

O esposo da ciclista disse que a mulher passou por procedimentos médicos como tomografia e raio-x e que o estado clínico dela é bom. O caso segue sob investigação da Polícia Civil, que deverá identificar o autor do acidente.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT