Coletor de lixo demitido por brincar com ‘arma’ de papelão é recontratado

PUBLICIDADE

‘Me emocionei muito, eu gosto do meu serviço’, disse ele.

O coletor de lixo que foi demitido após aparecer em um vídeo brincando de fazer escolta armada de um caminhão durante o expediente, no dia 22 de abril, em Botucatu (SP), explicou que se emocionou ao saber sobre a recontratação, na última segunda-feira (16). O caso veio à tona na última semana, após as imagens viralizarem nas redes sociais.

Segundo o coletor, Vitor Henrique Celestino, de 30 anos, o Sindicato Específico dos Empregados nas Empresas de Limpeza Urbana, Áreas Verdes, Limpeza e Conversação (Siemaco) preparou uma surpresa para contar sobre a reintegração dele ao trabalho. “O sindicato veio de surpresa na minha casa e me levou para a empresa. Lá, eles me contaram que eu seria recontratado. Me emocionei muito, porque eu gosto do meu serviço”, celebrou.

PUBLICIDADE

O coletor de lixo voltou às ruas de Botucatu na manhã de quinta-feira (19). Conforme comentou, ele continuará trabalhando feliz, mas com os devidos cuidados para que o caso não se repita: “sempre que tiver trabalho, eles podem contar comigo. Trabalho feliz, mas, dessa vez, com resguardo”.

Questionada sobre a recontratação, a empresa Grupo Corpus explicou que a readmissão procede e que não dará mais detalhes sobre o caso.

PUBLICIDADE
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP