Confira os 5 principais golpes aplicados na compra de carros pela internet

Entenda como são as fraudes praticadas e aprenda como evitá-las; não dar o sinal antes de ver o carro é uma das dicas dos especialistas.

Adquirir um veículo usado ou seminovo pode ser um bom negócio. Entre os benefícios da transação estão a menor desvalorização do automóvel, as parcelas mais em conta e a documentação mais barata. Mas, para que o consumidor não caia em golpes durante a compra de carros pela internet, é preciso tomar algumas precauções. Veja quais são os principais riscos do mercado e como se proteger de fraudes.

Marcio Leitão, CEO e fundador da BMZ Auto Brokers, rede de franquias de corretores de veículos, listou os golpes mais comuns na compra e venda de carros.

1. Golpe do “sinal”

É comum que anunciantes mal intencionados divulguem, na internet, veículos com baixo valor de mercado para atrair a atenção de compradores. Quando um deles demonstra real interesse em adquirir o carro e marca um encontro para observá-lo fisicamente, o golpista solicita um “sinal”.

A justificativa é que um outro interessado surgiu e está querendo levar o automóvel. É aí que passam a conta corrente de um laranja para que seja feito o depósito. “Esse é o golpe mais comum do mercado e acontece com grande frequência. Para evitá-lo, basta fazer o pagamento apenas após a checagem do veículo e nunca na conta de terceiros”, explica Marcio Leitão.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT