Consórcio de loteadores investe R$ 12,9 milhões em obras para finalizar o Sabaz Leste na cidade de Araras, SP

PUBLICIDADE

Ao todo, serão investidos aproximadamente R$ 13 milhões, por empresas privadas, como contrapartida das obras de loteamento e construção de unidades habitacionais.

Na manhã desta quinta-feira (30), o Prefeito Pedrinho Eliseu assinou um termo de adesão com Consórcio para concluir as obras do Sabaz Leste (Sistema de Abastecimento da Zona Leste). Ao todo, serão investidos aproximadamente R$ 13 milhões, por parte de empreiteiras, como contrapartida.

As empresas envolvidas no processo são a Vive Empreendimentos Imobiliários, TerraCota, JVF, TecPac e Pascotti JCB. “Essas empresas contam com loteamentos em andamento na cidade e serão responsáveis pela finalização do Sabaz. Esse é o maior investimento privado da história do município para garantir o abastecimento e distribuição de água. O 1º Consórcio com investimento específico para este fim”.O raciocínio é simples; eles, loteadores, têm de ser responsáveis pelo impacto que causam. Irão custear grandes projetos com recursos deles, para a garantia de água a Araras”,  comentou o prefeito Pedrinho.

O secretário municipal de Planejamento, Gestão e Mobilidade, Felipe Beloto, explicou como irá funcionar o Consórcio. “De acordo com a Lei, todos os empreendimentos em andamento em nossa cidade devem destinar recursos ao Fundo Municipal, que são transferidos ao caixa do Saema, que faz a licitação.  Porém com a possibilidade do Consórcio, há mais flexibilidade e consequentemente, obras serão executadas e entregues mais rapidamente. Os empresários se organizam e a Prefeitura recebe a obra em si e não o recurso”, explicou Beloto.

PUBLICIDADE

O presidente Executivo do Saema, José Carlos Martini Junior, salienta que “O termo de adesão é importante para toda população ararense”.

Já o empresário Roberto Martins, da TecPac, acredita que “Após seis meses de inúmeras reuniões, chegamos a um denominador comum com a Prefeitura e o Saema para agilizar e resolver todo esse problema que o município tem, principalmente na região Leste”, salientou Martins.

Como o Consórcio vai agir nas obras do Sabaz Leste?

De acordo com o Saema, o Consórcio vai agir nas seguintes frentes da obra do Sabaz Leste, e assim garantindo mais de 350 litros por segundo, em relação aos dias atuais:

– 1º momento: implantação de adutora da Rua Lins (Jardim Santa Rosa) até ETA, localizada no Jardim Cândida.

– 2º momento: implantação de adutora da Estação Elevatória do Saema (próximo ao Estádio Hermínio Ometto) até o Jardim Miriam.

“Os empreendedores têm ajudado e de maneira decisiva a executar os projetos que nós estamos apresentando para eles. A participação da Prefeitura será apenas na condição de fiscalização das obras. Graças a essa inovação da formação do Consórcio, o processo será muito mais rápido. Em tempo recorde, vamos resolver esse problema. Estamos fazendo história!”, completou Pedrinho.

Outras informações podem ser obtidas pelos telefones 3543 5500 (Saema) e  3547-3019 (Secretaria de Planejamento).

PUBLICIDADE
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP