Corpo encontrado no bairro Elihu Root é identificado como sendo do estudante da UFSCar que estava desaparecido em Araras, SP

Imagens de câmeras de segurança do bairro bairro Elihu Root, registram o estudante com vida pela última vez.

Foi identificado como sendo do estudante Mubenga Gilles (mais conhecido por Etô na UFSCar), que estava desaparecido desde o último domingo (14/10) quando saiu pela manhã de bicicleta do Assentamento Araras III.

Denúncia

Na noite desta terça-feira (17/10) equipes da Guarda Civil Municipal receberam uma denúncia através do GCM Genecir sobre um corpo que estaria embaixo da torre do linha de força no bairro Elihu Root, zona rural de Araras (SP), região onde o estudante foi visto pela última vez.

clique na imagem e saiba mais
Imagens de câmeras de segurança do bairro bairro Elihu Root, registram o estudante com vida pela última vez.

Encontro

Imediatamente os patrulheiros foram para o local e localizaram o corpo de Gilles Bertrand Mubenga Kiboko, 29 anos, natural de Camarões (país da região ocidental da África Central), em estado de saponificação.

A Polícia Técnico Científica, foi acionada para realizar o registro do fato, posteriormente o mesmo foi reconhecido por uma pessoa que fazia parte de seu ciclo de amizades.

Corpo estava embaixo da torre do linha de força.

O corpo será levado para o IML – Instituto Médico Legal de Limeira (SP), onde deverá passar por necrópsia. As causas da morte serão investigadas pela Polícia Civil.


Mubenga Gilles – Estudante de Agronomia em UFSCar – Universidade Federal de São Carlos

Em nota, a UFSCar informou que se solidariza com a família, colegas e está dando todo o apoio necessário ao consulado de Camarões para que as providências de traslado do corpo sejam efetivadas brevemente.

Participaram da ação: Inspetor Salathiel (Chefe da Divisão Operacional), Inspetor Cardoso, GCM Jessé e GCM Ventavolli.


Aviso: Os comentários só podem ser feitos via Facebook e são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, sendo passível de retirada, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Conforme a Lei 9.610/98, é proibida a reprodução total e parcial deste texto sem a autorização prévia e expressa do autor (artigo 29). ® Todos os direitos reservados ao site REPÓRTER BETO RIBEIRO

Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.