Criador de pássaros é multado em R$ 15 mil durante fiscalização da Polícia Militar Ambiental em Piracicaba, SP

As aves estavam dispostas em gaiolas, com água e comida a disposição, abrigados das intempéries e sem sinais de maus-tratos.

Nesta quinta-feira (6), uma equipe da Polícia Militar Ambiental durante fiscalização pelo bairro Piracicamirim em Piracicaba (SP), acabou encontrando em uma residência três aves sendo um azulão (passerina brissoni) e duas aves exóticas da espécie tarim (spinus cucullata) mantidas em cativeiro.

As aves estavam dispostas em gaiolas, com água e comida a disposição, abrigados das intempéries e sem sinais de maus-tratos, o pássaro azulão estava identificado com o anel. O morador informou ser criador cadastrado no Ibama, o que foi confirmado posteriormente pelo P3 da 2Cia/PAmb, tendo em seu plantel oito aves silvestres, todavia só o pássaro azulão estava no residência do mesmo.

Quanto aos tarins o criador informou não ter atestado de origem (Nota Fiscal) ou autorização para mantê-los em cativeiro. Diante dos fatos foi elaborado em desfavor do criador, dois autos de infração ambiental no valor de R$ 15.500,00 (quinze mil e quinhentos reias). As aves da espécie tarim (ameaçadas de extinção), foram apreendidas e depositadas ao criador, por não haver local apropriado para destinação.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP