DEIC detém dono de clínica e falso médico acusados de realizar exames de visão ilegalmente em SP

A Polícia Civil apura ainda o envolvimento de outras pessoas no esquema. 

A Polícia Civil prendeu, na manhã de quinta-feira (2), o proprietário de uma clínica e um falso médico acusados de realizar exames de visão ilegalmente. O flagrante aconteceu no bairro Cachoeirinha, na zona norte da cidade de São Paulo (SP).

A fraude, que funcionava em uma clínica na Avenida Imirim, foi identificada por agentes da 1ª Delegacia da Divisão de Investigações Sobre Crimes Contra o Patrimônio (DISCCPAT), do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC).

As equipes estavam em diligências quando apuraram o emprego de mão de obra desqualificada na realização dos exames de visão relacionados à permissão para habilitação e se deslocaram até o endereço alvo de investigação para fiscalização.  

No local, os policiais encontraram o domo e o homem que, no momento da ação, realizava o exame em uma pessoa. Ele admitiu não ser especialista na área de medicina. Eles foram autuados por exercício irregular de medicina e falsidade ideológica. A Polícia Civil apura ainda o envolvimento de outras pessoas no esquema. 

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT