DEIC prende criminoso durante cumprimento de mandados de busca e apreensão em Araras, SP

Foram cumpridos dois mandados, com uma pessoa presa, sendo esse indivíduo do sexo masculino, que reside no bairro José Ometto III, onde as buscas foram cumpridas.

Na manhã desta segunda-feira (9), policiais da 3ª Delegacia do DEIC – Departamento Estadual de Investigações Criminais de São Paulo, mais conhecida como DISCCPAT, estiveram cumprindo mandados de busca, apreensão e prisão no município de Araras (SP), de um grupo de pessoas de trazia skank (também conhecida como supermaconha e skunk), da capital paulista para o município.

Foram cumpridos dois mandados, com uma pessoa presa, sendo esse indivíduo do sexo masculino, que reside no bairro José Ometto III, onde as buscas foram cumpridas. O mesmo está sendo conduzido à sede do DEIC em São Paulo (SP), com mandado de prisão temporária pelo crime de tráfico de drogas, e participação em organização criminosa.

Os trabalhos de investigações deram início, após um dos integrantes deste grupo também morador de Araras, ter sido preso em flagrante tempos atrás, em São Paulo, com drogas e uma mala contendo artefatos para confecção de entorpecentes, para “pontencializar” a maconha, onde se chegou aos comparsas dele na cidade, que inclusive foram abordados pelos policiais do Setor de Inteligência (SIG), da Polícia Civil de Araras, durante cumprimento de mandado de prisão do mesmo individuo preso em São Paulo.

Durante essa ação, os investigadores encontraram sementes de maconha e balanças de precisão, além de entorpecentes embalados em tubinhos do tipo “M&MS”e prontos para vendas. Os indivíduos foram apresentados na Central de Polícia Judiciária, onde após serem ouvidos pela autoridade presente, foram liberados para responderem pelo crime, sendo que as investigações continuaram paralelamente pela capital, onde os policiais do DEIC conseguiram junto ao Poder Judiciário, os mandados de buscas e apreensão desses indivúduos, com o desenrolar das investigações.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT