Denarc desarticula núcleo de lavagem de dinheiro do tráfico durante a operação “Síncrona” em SP

Um dos envolvidos já era procurado pela Justiça e usava uma CNH falsa, motivo pelo qual também foi capturado e autuado por uso de documento falso.

 
Policiais civis do Departamento Estadual de Repressão e Prevenção ao Narcotráfico (Denarc) realizaram uma megaoperação contra o crime organizado e cumpriram 15 mandados de busca e apreensão nos municípios de São Paulo, Santo André, Bertioga e Atibaia. Durante a operação, batizada de “Síncrona”, devido ao sincronismo da organização criminosa na prática delituosa, três integrantes de uma facção criminosa foram presos em flagrante e indiciados pelos crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa. 
 
Os três faziam parte do núcleo de lavagem de dinheiro do tráfico que atua na região de Heliópolis. Durante um ano, policiais da 6ª Delegacia da DISE/DENARC realizaram um minucioso trabalho investigativo, com diversas provas. No curso da investigação, puderam constatar que os principais alvos da operação desfrutavam de uma vida luxuosa proporcionada pelo narcotráfico. Exemplo disso é a mansão situada num condomínio de luxo em Bertioga, onde um dos alvos foi detido.
 
Na operação, os policiais do DENARC apreenderam ainda uma coleção de relógios, máquinas de contagem de cédulas, nove carros, uma motocicleta, mais de R$ 170.000,00 em dinheiro, duas armas de fogo, bolsas, aparelhos eletrônicos e vasta documentação financeira para continuidade das investigações. A Polícia Civil representará pelo confisco dos bens e do dinheiro já apreendidos. Um dos envolvidos já era procurado pela Justiça e usava uma CNH falsa, motivo pelo qual também foi capturado e autuado por uso de documento falso.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP