DISE de Americana prende mulheres que abasteciam unidades prisionais do interior com drogas

Os companheiros das mesmas estão presos na Penitenciária III de Hortolândia/SP e CDP de Americana/SP

Uma investigação desencadeada durante interceptação telefônica autorizada pela Justiça, permitiu identificar duas mulheres como sendo pessoas ligadas ao tráfico de entorpecentes que tem como destino o interior de Unidades Prisionais da SAP. Os companheiros das mesmas estão presos na Penitenciária III de Hortolândia/SP e CDP de Americana/SP.

clique na imagem e saiba mais

As informações obtidas durante a investigação permitiu efetuar a prisão de ambas, sendo certo que as quintas-feiras seria o dia em que preparavam as drogas que eram entregues nas sextas-feiras às mulheres que as introduziam nas genitálias para o acesso as cadeias.

A dupla foi presa, quando a indiciada A.C.P foi até a casa de G.A.F.D.C, para levar a droga para ser fracionada, sendo apreendida no local pela guarnição, além de uma balança, a faca usada para cortar o entorpecente, um tijolo de maconha e um pedaço menor da mesma droga.

Autuadas em flagrante, foram encaminhadas a Cadeia Pública de Monte Mor/SP, para posterior transferência ao Centro de Detenção Provisória Feminino de Campinas/SP.

Objetos – balança, faca, 04 aparelhos de telefone celular. Valores – R$ 50,00 (CINQUENTA REAIS) Entorpecentes: 993,0 g (novecentos e noventa e três gramas) de maconha, distribuídos entre um tijolo e três outras porções menores, e, 1,6 g (um grama, seis decigramas) de cocaína em duas porções.