Dono de sítio é autuado por destruir florestas ou demais formas de vegetação natural em Área de Preservação Permanente em Rio das Pedras, SP

A supressão foi realizada através do uso de ferramentas manuais, sendo essa agravada pelo uso do fogo.

Nesta quinta-feira (1º), os policiais militares ambientais cabo João e cabo De Mattos, estiveram na zona rural de Rio das Pedras (SP), e mdecorrência do atendimento de demandas atinentes a fiscalização ambiental, sendo constatado na propriedade Sitio Santo Antônio, uma área de 0,229ha onde foi realizada a supressão de vegetação exótica das espécies Leucena (Leucaena spp) e Bambu (Bambusoideae), ambos em Área de Preservação Permanente.

A supressão foi realizada através do uso de ferramentas manuais, sendo essa agravada pelo uso do fogo, desta maneira foi elaborado em desfavor do proprietário um Auto de Infração Ambiental com sanção de multa simples, valorado em R$ 1.717,50 (Um Mil Setecentos e Dezessete Reais e Cinquenta Centavos) com base no Artigo 43 Caput da Resolução SIMA 005/21, sem prejuízo da apuração da responsabilidade penal com fulcro no Artigo 38 da Lei Federal 9.605/98.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT