Equipes de fiscalização recebem cerca de 30 denúncias por dia e reprimem aglomerações em Araras, SP

Outra medida adotada pelo Poder Executivo é a fiscalização em chácaras, inclusive com uso de um drone que faz a captação de imagens aéreas.

A Fiscalização Urbana continua atuando diariamente, em conjunto com a Vigilância Sanitária e com a Guarda Civil Municipal, em diversos pontos da cidade de Araras (SP), visando coibir aglomerações de pessoas.
 
As ações acontecem tanto no período diurno, quanto à noite e são divididas em três equipes que têm o objetivo de verificar denúncias, orientar a população, fiscalizar espaços públicos, horários do comércio e uso de máscara e álcool em gel, tanto nos estabelecimentos, quanto pela população que circula nas ruas. “Nosso objetivo não é multar ninguém, por isso pedimos a colaboração da população. Ao detectarmos aglomerações, orientamos e dispersamos as pessoas”, explicou o Chefe da Fiscalização Urbana, Fernando Pagioro.
 
Apesar disso, Pagioro ressalta que, em caso de reincidência, as multas são aplicadas. “Quando a pessoa, depois de orientada, ela não quer atender o que é passado, está sim sujeita à multa”, explicou.
 
Outra medida adotada pelo Poder Executivo é a fiscalização em chácaras, inclusive com uso de um drone que faz a captação de imagens aéreas. “Não façam eventos que gerem aglomerações. A multa é bem alta e estamos trabalhando intensamente para localizar e coibir essas atividades irresponsáveis” ressaltou Fernando.
 
Em média, a Fiscalização Urbana recebe de 30 a 40 denúncias por dia. “Essas denúncias são recebidas pelo WhatsApp da GCM, mas em questão de minutos, a fiscalização vai até o local e realiza todas as verificações e ações necessárias”.
Colabore com o trabalho de fiscalização denunciando possíveis descumprimentos dos protocolos pelos seguintes canais: WhatsApp (19) 99703-4966 ou 3541-1532.
 
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT