Estado de SP registra menos de 9 mil internados em UTI por COVID-19 após 4 meses acima do patamar

Demanda por leitos de enfermaria segue em queda, com pelo menos 1 mil internados a menos que três dias atrás; já são 400 mil recuperados.

O Estado de São Paulo registra nesta segunda-feira (5) menos de 9 mil pacientes internados em UTI pela COVID-19, depois de quatro meses com balanços superiores a este. Hoje, há 8.977 pacientes em leitos de terapia intensiva, contra 8.657 no dia 8 de março.

A redução também é verificada na demanda por leitos clínicos. Atualmente, há também 8.872 pacientes em enfermaria, número que baixou quase mil internações desde a última sexta-feira (2).

A semana também começa com a superação do marco de 400 mil altas após internação pela COVID-19. Em toda a pandemia, 400.520 pacientes que tiveram confirmação e quadro grave da doença se recuperaram após cuidados hospitalares.

Eles integram um total de 3.395.346 casos de pessoas recuperadas após o diagnóstico da COVID-19, incluindo os que apresentaram quadros leves ou foram assintomáticos.

Em toda pandemia o estado de São Paulo registrou 3.790.090 casos de COVID-19 e 129.675 óbitos. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado é de 71,6% e, na Grande São Paulo, de 65,8%.

O detalhamento dos dados da pandemia estão disponíveis no site www.saopaulo.sp.gov.br/coronavirus.

Dados atualizados em 05/07/21 – 16h17.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT