Estudante é morta a facadas pelo companheiro em frente ao filho no interior de SP

Autor do feminicídio foi preso neste sábado; pai da vítima tentou ajudar a filha e acabou ferido.

Uma estudante de 24 anos foi morta a facadas pelo companheiro, na frente do filho, em Águas de Lindoia (SP). O crime ocorreu na noite desta sexta-feira (5) na residência do casal, no Jardim São Francisco. Diego Paiva, de 23 anos, foi preso neste sábado (6).

De acordo com a Polícia Civil, o pai da vítima, um pedreiro de 55 anos, que mora na casa ao lado, percebeu que a estudante estava sendo agredida e foi até o local para tentar evitar o crime.

Ao chegar na casa, o homem foi agredido pelo genro, que fugiu do local. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o pai da jovem foi encaminhado ao Pronto Socorro do Hospital Doutor Francisco Tozzi.

A Polícia Militar foi chamada até o local para atender uma ocorrência de violência doméstica e encontraram o corpo da estudante caído na sala. O socorro foi acionado e confirmou o óbito no local.

De acordo com a SSP, os ferimentos da estudante foram “provocados por instrumento perfuro cortante”; um cabo de faca foi apreendido no local.

Arlete Gomes Santos, de 24 anos, foi morta a facadas pelo companheiro, Diego Paiva, em Águas de Lindóia (SP) — Foto: Reprodução/Redes sociais

Feminicídio e prisão

O caso foi registrado como feminicídio e tentativa de homicídio qualificado na Delegacia de Serra Negra. Além disso, foram solicitados exames periciais ao IC e IML.

Neste sábado, segundo a SSP, o assassino do crime se apresentou à Polícia Militar e foi conduzido ao Plantão da Delegacia de Serra Negra para prestar depoimento.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT