Estudante invade escola e atira contra colegas em sala de aula em MG

Crime aconteceu em Ponto Marambaia, na zona rural de Caraí, na região do Vale do Jequitinhonha; dois adolescentes ficaram feridos.

Um estudante invadiu uma escola pública de Ponto Marambaia, na zona rural de Caraí, a 540 km de Belo Horizonte, na região do Vale do Jequitinhonha mineiro, e atirou contra colegas em uma sala de aula, na manhã desta quinta-feira (7).

Maria Rosária, representante da Superintendência Regional de Ensino de Teófilo Otoni, responsável pelas escolas na cidade onde ocorreu o crime, explica que o jovem entrou na Escola Estadual Orlando Tavares com uma arma de fogo e um facão. 

Segundo a mulher, o adolescente que é estudante do segundo ano do ensino médio no colégio, estava exaltado e foi direto em direção a uma turma do primeiro ano.

— Os alunos perceberam que ele estava armado e tentaram impedi-lo de entrar na sala. Porém, ele disparou e acabou acertando outros dois estudantes.

De acordo com Maria Rosária, o jovem que não teve a identidade divulgada foi controlado e os feridos foram levados para um hospital da cidade vizinha, Padre Paraíso, que fica a 15 km de distância.

Até às 11h, a direção da escola estava reunida com a polícia no colégio. As causas do ataque ainda não foram divulgadas.

Em nota, o Hospital Nossa Senhora Mãe da Igreja informou que os dois alunos  vítimas do atentado foram atendidos pela médica plantonista de forma imediata. Segundo a unidade de saúde, um dos alunos recebeu transfusão sanguínea e aguarda a transferência para Teófilo Otoni. O estado de saúde do jovem é estável. A outra vítima não teve o quadro clínico divulgado.

Procurada, a Secretaria de Estado de Educação informou que já está com uma equipe no local para acompanhar o caso e apoiar a escola, famílias e vítimas. A pasta esclareceu, ainda, que o atirador teria pulado o muro do colégio para entrar no local.

Veja a íntegra da nota da Secretaria de Educação:

“A Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG) informa que a equipe da Superintendência Regional de Ensino (SRE) de Teófilo Otoni está na Escola Estadual Orlando Tavares, localizada no distrito de Ponto do Marambaia, em Caraí, para apurar a situação ocorrida na escola na manhã desta quinta-feira (07/11) e dar todo o apoio e auxílio à direção da unidade escolar, à comunidade escolar e às famílias dos dois alunos feridos na ocorrência.

De acordo com a direção da unidade, os dois tiros foram disparados por um aluno da instituição que não estava presente hoje às aulas, pulou o muro da escola armado e efetuou os disparos. A direção da escola acionou a Polícia Militar imediatamente e os dois alunos feridos foram levados para o hospital. Representantes da SRE acompanham a situação dos alunos no hospital. A direção esclarece, ainda, que todas as informações necessárias estão sendo passadas para os órgãos competentes que farão a investigação e apuração do caso.”