Estudantes criam protótipo de reforço à segurança pública

Dispositivo com alarme foi desenvolvido para pessoas em situações de perigo. Protótipo está entre os projetos semifinalistas do Solve For Tomorrow, premiação global da Samsung.

Estudantes do 3º ano de eletrônica no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), localizado em Campinas, no interior do estado de São Paulo, desenvolveram um protótipo para reforçar a segurança de possíveis vítimas de agressão ou assaltos.

O projeto é um dos semifinalistas da 8ª edição do Prêmio Respostas para o Amanhã, iniciativa brasileira do Solve For Tomorrow, um programa global da Samsung que desafia alunos e professores da rede pública de ensino a desenvolver soluções para a sociedade local.

Agora, os estudantes responsáveis pelo projeto estão na etapa de definição do design. Desta forma, o projeto pode ser uma pulseira ou um chaveiro que conta com um sistema de alarme que emite sinais sonoros e de luz capazes de afastar possíveis agressores.

O grupo, formado por quatro estudantes, decidiu criar o dispositivo como uma alternativa para a proteção de pessoas mais vulneráveis a esses ataques, como mulheres e membros da comunidade LGBTQIA+.

O protótipo tem bateria recarregável e emite um alarme com flashes de led e sons incessantes quando acionado. No futuro, os alunos ainda pretendem adicionar outras funcionalidades no dispositivo, como a possibilidade de enviar a localização para o GPS de um celular previamente cadastrado no sistema.

Dessa forma, as vítimas podem informar seu paradeiro a pessoas de confiança em possíveis situações de perigo.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP