Etecs do interior de SP fazem campanhas solidárias para ajudar na pandemia

Comunidades escolares continuam engajadas no combate à COVID-19 e fazem distribuição de donativos e empréstimo de celulares.

As unidades do Centro Paula Souza (CPS) continuam trabalhando para ajudar a enfrentar a pandemia de COVID-19. Em Campinas, a campanha solidária Bentecap juntou as Escolas Técnicas Estaduais (Etecs) Bento Quirino e Conselheiro Antonio Prado em uma ação para arrecadar roupas, cobertores, materiais de higiene e alimentos não perecíveis para doação.

Já foram coletados 673 quilos de alimentos e itens de limpeza e 110 quilos de roupas e cobertores para serem distribuídos às entidades de acolhimento Casa da Criança Paralítica, Perifa Campinas Contra a Fome e Alimento para Todos.

clique na imagem e saiba mais

A Bentecap começou no dia 6 de julho e foi divulgada pelos perfis das redes sociais das duas Etecs e nos grupos de WhatsApp de funcionários, alunos e professores. Os voluntários entregaram os donativos nas escolas e a própria comunidade realizou a triagem para viabilizar a entrega, que começou no dia 17 e se estendeu até o dia 21 de agosto.

Rede solidária

Em Monte Aprazível, município localizado na região de São José do Rio Preto, a solidariedade chegou aos alunos da Etec Padre José Nunes Dias que estavam com dificuldade para participar das aulas online. A direção da escola e a Associação de Pais e Mestres (APM) encaminharam um pedido de doação de celulares para a Receita Federal. A entidade autorizou e os equipamentos Android 8.0 começaram a ser distribuídos nos últimos dias.

A entrega foi feita como empréstimo previsto para durar enquanto as aulas continuarem sendo dadas de forma remota. A diretora da unidade, Valéria Donatoni, informa que o objetivo da ação foi atender tanto alunos que não possuíam celular como aqueles que não tinham configuração compatível com a plataforma Microsoft Teams, tecnologia usada para as aulas online.

A estudante do curso Técnico Integrado ao Médio (Etim) de Meio Ambiente Nickoly Moura está entre as contempladas. “Acredito que neste semestre meus estudos vão deslanchar porque com esse aparelho novo consigo acompanhar as atividades e fazer os trabalhos. O meu celular antigo não tinha espaço para suportar o aplicativo Teams”, detalha.

As ações em Campinas e Monte Aprazível dão continuidade à corrente de solidariedade do CPS para ajudar no combate à pandemia. Desde o início da quarentena, a comunidade acadêmica se esforçou e, além de arrecadar donativos, produziu materiais de desinfecção, como álcool em gel, sabão líquido e outros produtos de limpeza.

As ações solidárias incluíram também conserto e fabricação de equipamentos hospitalares e equipamentos de proteção individual (EPIs), além de doação de celulares, tablets e notebooks para ajudar os alunos que não conseguiam acompanhar as aulas online.