Formatura do PROERD reúne mais de 100 alunos em Conchal, SP

O evento contou com a presença de familiares dos alunos, autoridades locais e do capitão da PM Helington Illges da Silva

115 alunos do Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente (CAIC), de Conchal (SP), em solenidade realizada nesta segunda-feira (13), receberam seus certificados de formação do PROERD. O evento contou com a presença de familiares dos alunos, autoridades locais e do capitão da PM Helington Illges da Silva.

“O principal objetivo do programa é a educação preventiva, visando combater o uso de drogas e ensinando aos alunos, técnicas centradas na resistência à pressão dos companheiros”, explicou o capitão Illges.

As crianças tiveram um momento único de brincadeiras, danças, cartilhas, lições e o mascote leão Daren, onde as crianças aprendem a dizer não às drogas e a qualquer tipo de violência, com a participação de pais, professores, instrutores, representantes políticos e policiais.

O Proerd é um programa preventivo aplicado pela Polícia Militar, que trabalha em parceria com as escolas, Poder Público e a família, priorizando o atendimento às crianças entre nove e 12 anos. O projeto tem duração de 11 semanas, durante um semestre letivo, sendo ministrada uma aula por semana.

“Queremos que os alunos levem esses conhecimentos para dentro de casa onde, muitas vezes, as drogas lícitas como o tabaco e álcool estão presentes. Os pais agora têm consciência do perigo desse tipo de droga, pois debatemos também com eles”, disse policial militar instrutor Jefferson Alex Batista da Costa (cabo PM Alex).

A marca Proerd

O Dare America, organização não-governamental com sede nos Estados Unidos é proprietária da marca Proerd. O primeiro registro foi feito em 1993 (um ano após o início do programa no Brasil), sendo a última prorrogação de registro da marca deferida em dezembro de 2015 pelo Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), órgão do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior.

A lei brasileira protege esse direito, definindo responsabilidade cível e penal para aqueles que fizerem uso da marca sem autorização do titular.

+ CLIQUE AQUI E VEJA OUTRAS NOTÍCIAS