Governador de São Paulo diz que vetará projeto que libera cerveja nos estádios

Anúncio
Clique na imagem. Link direto para Whatsapp


Na Copa América, o Brasil estreia nesta sexta-feira, às 21h30, contra a Bolívia, no estádio do Morumbi com bebida liberada.

João Dória, governador do estado de São Paulo disse que vetará projeto de lei que aprovaria volta de cerveja aos estádios. O texto havia sido aprovado por deputados nesta quinta-feira, 13, na Assembleia Legislativa (Alesp).

Segundo apurado pelo G1, o governador não sancionará o projeto, o qual julga ‘insititucional’: “Sendo inconstitucional, o governador não pode sancionar. Irei vetar”, afirmou na tarde desta sexta-feira,14.

A medida se tornou lei em 1996, depois da ‘Batalha do Pacaembu’, briga entre torcidas na final da Copa São Paulo de Futebol Jr, entre Palmeiras e São Paulo, no final de 1995, que teve um morto como consequência. É em lei, proibido em um raio de até 200 metros dos recintos esportivos a venda de bebidas alcoólicas.

O novo projeto autorizaria a venda de bebidas alcoólicas nas dependências dos estádios e ginásios, 1h30 antes do início e 1h depois do término de cada evento.

De autoria de Itamar Borges, deputado estadual, apresentou como justificativas: “a maioria dos torcedores ingressam no estádio quase no início da partida porque ficam até o último segundo bebendo nos arredores do estádio”, que “cerveja possui baixo teor alcoólico, impossível o cidadão embriagar-se e provocar tumultos em função desta degustação levando-se em consideração a curta duração dos jogos de futebol (90 minutos)”, e que “a venda de bebida alcoólica nos estádios estimula a presença do torcedor, aumenta a arrecadação de tributos pelo estado, aumenta a geração de empregos e não guarda relação com o aumento da violência”.

Até o momento, apenas em eventos que as leis são editadas para fim comercial como a Copa do Mundo de 2014, as Olimpíadas de 2016 e a Copa América em 2019 que se pode beber dentro do estádio.

Na Copa América, o Brasil estreia nesta sexta-feira, às 21h30, contra a Bolívia, no estádio do Morumbi com bebida liberada.

Siga Beto Ribeiro Repórter e FATOS POLICIAIS no facebook, e fique por dentro de todas as novidades!