HACKERS PARAM O PODER JUDICIÁRIO E O MINISTÉRIO PÚBLICO EM SÃO PAULO

Segundo informação, os hackers solicitam valor em Bitcons para liberação dos computadores.

Segundo informação de um magistrado do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, hackers invadiram toda a rede de computadores do Poder Judiciário estadual, cujo resultado foi a determinação do Tribunal para que todos os fóruns desligassem seus computadores, ao informar da ocorrência de um ataque mundial aos sistemas informatizados.

Ministério Público de São Paulo

Por seu turno, um representante do Ministério Público do Estado de São Paulo confirmou a informação quanto à determinação da inutilização temporária dos computadores por conta de invasão. Apurou-se ainda que os referidos hackers solicitaram quantia em Bitcoins para liberações dos computadores.

Destarte, o Ministério Público do Estado de São Paulo determinou o desligamento imediato dos computadores devido o referido ataque mundial para averiguar se o incidente comprometeu a segurança de sua rede.

Importa esclarecer que Bitcoin é uma moeda on-line criptografada, cuja emissão independe de qualquer aval governamental. Essas moedas digitais podem ser enviadas pela internet para qualquer lugar do mundo, podendo ser transacionadas pelo sistema da criptografia de chave pública, sem intermédio de uma instituição financeira.
A equipe da EBRADI apurou a funcionalidade do sítio do TJSP e, neste momento, constatou a indisponibilidade do site.
De tal modo, o Poder Judiciário e o Ministério Público pararam nesta sexta-feira diante o inusitado ataque.
*COMPARTILHE ESTA INFORMAÇÃO E REGIÃO CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK PARA FICAR POR DENTRO DAS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DE ARARAS E REGIÃO ALÉM DE CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT