Homem é preso após confessar ter matado morador de rua no interior de SP

O Governador de São Paulo, entrega 76 viaturas para a Polícia Científica da Secretaria Nacional de Segurança Pública. Data: 19/07/2017. Local: São Paulo/SP. Foto: Ciete Silvério/A2img

Vítima foi morta com pedradas na cabeça, na manhã de quinta-feira (29), após xingar outro morador de rua.

Um homem foi preso após confessar ter matado um morador de rua com pedradas na cabeça, na quinta-feira (29), em Votorantim (SP). O suspeito se entregou à polícia no mesmo dia em que o crime foi cometido.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito, que também é morador de rua, disse que a vítima o estava xingando com palavrões por várias vezes e que isso o irritou.

Então, conforme a corporação, o homem deu duas pedradas na cabeça do sem-teto por volta de 1h. Depois, se trocou e dormiu a alguns metros de distância da vítima.

Ainda de acordo com a polícia, o suspeito afirmou que não tinha planejado o crime com antecedência e confirmou que as roupas e o calçado que estavam no local, sujos de sangue, pertenciam a ele.

A vítima foi encontrada com ferimentos na cabeça por pedestres que passavam pela Rua Santo Pregnolato e acionaram a Polícia Militar.

O morador de rua está preso na Delegacia de Votorantim e permanece à disposição da Justiça.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT