Homem é preso após matar cachorro a pauladas para se vingar da ex-mulher em Amparo, SP

De acordo com a Patrulha Ambiental Rural da Guarda Civil Municipal, ele afirmou ter matado o animal para se vingar da ex-mulher que o deixou.

Um homem de 47 anos foi preso em flagrante após confessar ter matado um cachorro a pauladas na manhã desta sexta-feira (6), em Amparo. De acordo com a Patrulha Ambiental Rural da Guarda Civil Municipal (GCM), os agentes receberam uma denúncia de maus tratos contra animais em uma fazenda. Segundo a denúncia, um trabalhador rural teria matado o seu cão para se vingar da ex-mulher.

Ao chegar na fazenda, os agentes da GCM questionaram o paradeiro do animal, e o suspeito tentou mentir para os guardas. Em seguida, o homem confessou que havia levado o cachorra para área de mata com a intenção de caminhar, mas que acabou dando várias pauladas na parte de trás da cabeça do animal. De acordo com a GCM, o homem alegou que a motivação foi causada por nervosismo após o abandono da ex-mulher.

Após levar os agentes até o local, foi constatado que o animal ainda estava vivo e agonizando, já que a violência havia sido cometida há quatro horas, segundo o suspeito. De acordo com a corporação, o centro de zoonoses foi acionado e uma equipe foi enviada para conduzir o cão ao centro médico veterinário. O animal não resistiu aos graves ferimentos e faleceu.

Segundo a GCM, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Amparo, onde a autoridade de plantão lavrou um boletim de ocorrência de flagrante de maus tratos a animais. O suspeito foi preso e segue à disposição da Justiça.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT