Homem é preso em flagrante por manter três crianças em cárcere privado

Anúncio

Polícia solicitou exame para analisar se os três meninos, de 9, 11 e 12 anos foram vítimas de estupro; segundo a Guarda Civil Municipal, indiciado também ameaçou os garotos e resistiu à prisão.

Um ajudante geral de 22 anos foi preso em flagrante na noite deste sábado (25), em Rio das Pedras (SP), depois de sequestrar e manter em cárcere privado três crianças, de 9, 11 e 12 anos. A polícia solicitou realização de exame para analisar se os três meninos foram vítimas de estupro.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado pelo Plantão Policial de Piracicaba (SP), por volta das 18h o indivíduo “privou as vítimas de sua liberdade, mediante cárcere privado”, além de ameaçá-las e resistir à prisão.

Um guarda relatou à Polícia Civil que foi acionado para atender uma ocorrência na qual um rapaz estaria mantendo três crianças dentro de uma casa e não queria libertá-las. Ele também informou que, ao chegar ao local, os responsáveis pelas vítimas já tinham conseguido retirá-las do imóvel.

Ainda conforme o agente de segurança, os envolvidos estavam exaltados e não foi possível apurar o motivo do ajudante ter cometido o ato. Todos foram levados ao hospital da cidade e depois à delegacia. O GCM também afirmou que o indiciado aparentava estar alterado e não conseguia formar uma frase conexa, além de ameaçar pessoas que estavam ao redor.

O preso se negou a dar sua versão dos fatos ou assinar o auto de prisão, além de proferir ameaças de morte, por isso foram utilizadas algemas, acrescenta o registro da ocorrência.

Foram apreendidas uma faca, duas chaves de fenda, uma carteira, um celular, chaves e R$ 100, todos pertencentes ao suspeito, segundo a polícia, que pediu à Justiça que a prisão em flagrante seja convertida em prisão preventiva.