Homem que ajudava motorista com carro quebrado é atropelado e morre em Mogi Guaçu, SP

Vítima foi atingida por outro veículo que trafegava pela rodovia. Condutor que causou o atropelamento se negou a fazer o teste de bafômetro e foi preso em flagrante, segundo a Polícia Rodoviária.

Um homem morreu após ser atropelado enquanto ajudava uma motorista que estava com o carro parado no acostamento da Rodovia Governador Adhemar Pereira de Barros (SP-340), em Mogi Guaçu (SP).

De acordo com informações da Polícia Militar Rodoviária, que atendeu a ocorrência, o responsável pelo atropelamento se negou a fazer o teste de bafômetro e foi preso em flagrante.

clique na imagem e saiba mais

O acidente ocorreu na madrugada deste domingo (21) na altura do km 171 da rodovia. A PMR informou que um veículo Ford Fiesta com problema mecânico parou no acostamento e a vítima, que se chama Abel Pantoja e estava de moto, se aproximou para ajudar.

Um carro modelo Volkswagen Polo, que vinha atrás, atingiu o motociclista e o Fiesta. “O condutor que causou o acidente se recusou a realizar o teste do etilômetro e foi preso em flagrante”, informou a PMR.

Pelas imagens, é possível ver que tanto o Polo quanto o Fiesta capotaram após a colisão. O corpo de Pantoja foi sepultado na tarde deste domingo no Cemitério Santo Antônio.

ÁGIL DPVAT