Homem reencontra família pela web após 10 anos morando em albergue no litoral de SP

Uma funcionária do abrigo fez uma publicação em um grupo da rede social para tentar encontrar algum familiar.

Elísio de Jesus Soares, de 57 anos, reencontrou a família após passar 10 anos morando em um albergue de Guarujá, no litoral de São Paulo. “É uma sensação boa, felicidade muito grande. Agora só quero esquecer o passado e começar uma nova vida ao lado da minha família”, afirma.

O homem saiu da cidade de Santa Luzia, em Minas Gerais, há 25 anos, quando tentava buscar uma vida melhor. Segundo ele, não imaginava ter a oportunidade de reencontrar a família um dia. “Eu passei por muitos lugares, conheci muita gente e acabei parando na rua. Quando encontrei o albergue, passei a me sentir humano de novo”, desabafa.

A história de Elísio só teve um final feliz graças ao empenho de Rúbia Oliveira, que trabalha no local e conheceu sua história. “Fiz uma publicação no Facebook com todos os dados que eu tinha em um grupo da cidade dele e, para a minha surpresa, encontramos o irmão dele”, conta.

clique na imagem e saiba mais

Ela diz que o homem sempre foi muito fechado e que, aos poucos, passou a encontrar algumas informações que pudessem ajudá-lo. “Conversando com ele acabei descobrindo a cidade de origem, nome dos irmãos e outros detalhes que ajudaram na busca”.

O irmão de Elísio, o autônomo Edson Soares, conta que colegas viram a publicação e entraram em contato com ele. “Assim que eu reconheci a foto do meu irmão, liguei para o albergue avisando que ia buscá-lo com a minha esposa”, conta.

Ainda, afirma que o reencontro significa um recomeço para toda a família. “Nós já tínhamos dado ele como morto. Ninguém tinha esperanças e foi uma surpresa muito boa, graças a deus. Vamos olhar para frente”, finaliza.