Homens são multados em mais de R$ 13 mil pela Polícia Militar Ambiental por pesca em local proibido em Piracicaba, SP

Os pretrechos utilizados para prática do ato da pesca foram apreendidos e destruídos e os pescados soltos em seu habitat natural.

Na tarde desta sexta-feira (26), durante a “Operação Servir e Proteger”, os policiais ambientais sargento Alfieri e cabo Bonassi em patrlhamento pelas margens do Rio Corumbatai, município de Piracicaba (SP), flagraram seis indivíduos em ato de pesca, desembarcados, em local  proibido (corredeira), fazendo uso de petrechos não permitidos para o pescador amador (tarrafas), em desecordo com a legislação Ambiental, sendo ainda, constatado no ato da vistoria a captura de 24 (vinte e quatro) exemplares de pescados (13 Piau e 11 Cascudo).

Diante do exposto foram elaborados Autos de Infração Ambiental, para todos no valor total de R$ 13.680,00, por infringir o Artigo 35, Caput  e o  disposto no parágrafo 1°, inciso II  do mesmo Artigo da Resolução SIMA 005/21, sem prejuízo da apuração da responsabilidade penal nos termos do artigo 34 da Lei de crimes Ambientais 9.605/98.

Os pretrechos utilizados para prática do ato da pesca foram apreendidos e destruídos e os pescados soltos em seu habitat natural. Os autuados foram cientificado quanto ao Atendimento Ambiental, agendados para o dia 08 de junho de 2021, as 13h30, 14h30 e 15h30 e dia 15 de junho de 2021, as 09h00, 10h00 e 11h00.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT