Hospital mobiliza Polícia Militar para localizar paciente que seria transplantando no interior de SP

Após telefonar para a Polícia Militar, uma equipe do 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior saiu em busca do paciente, e conseguiu localizar o senhor André, que estava indo para igreja.

A Doutora Paola Nalini Paschoalin responsável pelo setor de transplante do Hospital de Base, de São José do Rio Preto (SP), foi informada sobre um rim disponível para transplante, ela identificou o primeiro paciente compatível com o órgão e foi atrás da pessoa.

Paola ligou para os telefones cadastrados do paciente, mas ninguém atendia. Daí surgiu uma ideia de acionar a Polícia Militar. Começava ali uma corrida contra o tempo, já que, caso a pessoa beneficiada não é localizada, o órgão é disponibilizado para outro paciente e quem não foi encontrado volta para fila.

Após telefonar para a Polícia Militar, uma equipe do 17º Batalhão de Polícia Militar do Interior saiu em busca do paciente, e conseguiu localizar o senhor André, que estava indo para igreja. André foi levado ao Hospital de Base, onde permaneceu sob os cuidados da Doutora Paola para a realização do tão esperado transplante. 

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT