Idoso de 76 anos é preso após tentar enterrar cachorra ainda viva

PUBLICIDADE

Após maus-tratos e crueldade, o animal acabou morrendo.

Mais uma situação de maus-tratos contra animais, esta com requintes crueldade, foi registrada no Alto Vale do Itajaí, Santa Catarina. Um idoso de 76 anos foi preso em flagrante pela Polícia Civil de Ituporanga, onde ocorreram os fatos, nesta terça-feira (14) pela prática do crime.

A denúncia de uma vizinha evitou que ele enterrasse o próprio animal de estimação ainda vivo. A cadela, que estava com estado de saúde precário, acabou morrendo horas depois.

Ao receber a denúncia, o investigador de Ituporanga foi até a residência do suspeito. Segundo uma vizinha, o homem já teria cavado um buraco para enterrar a cachorra alegando que ela estava morta.

A vizinha teria mostrado que o animal ainda respirava e que precisava de cuidados urgentes. Mas o dono disse que não tinha dinheiro para o tratamento e que não adiantava ‘gastar cartucho’, decidindo por enterrá-lo ainda vivo.

PUBLICIDADE

A mulher então acionou a Polícia Civil. Ao chegarem no local, os agentes contataram que o animal estava debilitado, sem forças nem para andar. A cachorra apresentava hipotermia, dificuldade de respirar, além de um cheiro que evidenciou o estado de saúde precário do animal, que já estava há dias naquela situação.

Com auxílio de uma ativista dos direitos animais em Ituporanga, a cachorra foi levada para uma clínica veterinária, onde recebeu cuidados emergenciais. Mas não resistiu e acabou morrendo antes do procedimento policial ser iniciado.

Prisão em flagrante

O autor foi autuado em flagrante pelo crime de maus-tratos aos animais, que resultou em morte, conforme atestado pela veterinária que a atendeu.

“Houve negligência/omissão nos cuidados. A cadela ficou gravemente enferma. E ele ia enterrá-la. Uma vizinha impediu. A polícia civil foi acionada. O animal foi atendido, encaminhado ao veterinário. Mas infelizmente não resistiu”, resume o delegado Fernando Padilha Figueiredo, que fez a prisão em flagrante e conduz as investigações.

PUBLICIDADE
CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP