Irmãos de 15 e 20 anos morrem com coronavírus no interior de SP: ‘Verdadeira tragédia’, diz pai

De acordo com a família, que mora em Tanabi (SP), Isac Reis, de 20 anos, não possuía comorbidades. Já Rebeca Reis, de 15, era portadora de Síndrome de Down.

Dois irmãos morreram infectados pelo novo coronavírus em Tanabi, no interior de São Paulo, em menos de um mês. De acordo com a família, Isac, de 20 anos, e Rebeca Reis, de 15 anos, não resistiram às complicações causadas pela Covid-19. O rapaz morreu nesta quarta-feira (23), e a irmã, no dia 27 de agosto.

Isac e Rebeca colheram material genético e testaram positivo para o novo coronavírus. O corpo dos dois irmãos já foi enterrado. “Foi muito complicado receber a notícia das mortes. Sofremos uma verdadeira tragédia”, afirma o pai Roberto Reis da Silva, de 60 anos.

clique na imagem e saiba mais

Roberto e a esposa também contraíram a doença, mas se já recuperaram. Ainda conforme a família, Isac ficou 21 dias internado no Hospital de Base de São José do Rio Preto (SP). Ele não possuía comorbidades e não resistiu às complicações da doença.

A irmã dele era portadora de Síndrome de Down e tinha dificuldades para se comunicar. Rebeca foi levada para a Santa Casa de Tanabi e morreu no mesmo dia em que foi internada. Até esta quarta-feira, a prefeitura contabilizava 1.234 casos confirmados, com 25 mortes. (Com informações do G1 Rio Preto e Araçatuba)