Jovem de 24 anos é mordida no ombro ao se esbarrar em homem dentro de academia

Câmera registrou que o cliente riu após a agressão; ele é investigado por lesão corporal. Administração do estabelecimento informou que o homem cancelou a matrícula e disse que a situação foi um ‘engano’.

Uma mulher de 24 anos foi agredida com uma mordida no ombro em uma academia de Rio Verde, no sudoeste de Goiás. Um vídeo mostra o momento em que um homem rapidamente aborda a jovem e a morde, depois que ela esbarrou a mão dele.

Registros da câmera de segurança também mostram o homem rindo após o ocorrido. À academia, ele caracterizou o ato como um “engano”. “Ele me atendeu, eu perguntei que tinha ocorrido, ele falou que foi um engano e pediu desculpas pelo constrangimento”, disse a coordenação da academia.

A administração do estabelecimento ainda afirmou que o homem não frequenta mais a academia. O caso aconteceu no último dia 13 de abril, mas só veio à tona nesta segunda-feira (26). A academia, que forneceu as imagens da câmera de segurança à Polícia Civil, declarou que, após o ato, “amparou a mulher com o que foi necessário”.

Leia também:

Mulher negou atendimento médico

Segundo a coordenação do estabelecimento, na ocasião, a mulher negou atendimento médico e a necessidade de acionar policiais. “Ela estava muito nervosa, então foi embora e no dia seguinte acionou a Polícia Civil”, complementou a academia.

A delegada Taisa Antonella, que é responsável pelo caso, explicou que o homem já foi intimado e deve prestar esclarecimentos sobre o ocorrido ainda nesta semana. A princípio, ela detalha que ele deve responder pelo crime de lesão corporal.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP