Jovem suspeita de planejar massacre em escola é internada

Decisão é da juíza plantonista do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios, e foi cumprida pela PCDF.

Equipes da Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos (DRCC) e da Divisão de Operações Especiais (DOE) cumpriram ordem judicial de internação psiquiátrica compulsória da jovem de 19 anos suspeita de planejar um massacre a uma escola pública do Recanto das Emas.

A decisão é da juíza plantonista do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) e foi cumprida pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) na manhã deste domingo (23/5).

A jovem foi alvo de uma operação de buscas, intitulada de Shield (escudo, em inglês) e revelada pelo Metrópoles, na manhã de sexta-feira (21/5). A mãe contou que policiais civis do Distrito Federal bateram no portão por volta das 4h e fizeram uma intensa revista nos cômodos, principalmente no quarto em que a suspeita dorme, onde os investigadores encontraram máscaras e simulacros de arma de fogo. Para ler a matéria completa clique aqui.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT