Junior Franco é eleito novo prefeito de Araras, SP

Candidato do DEM venceu eleição suplementar deste domingo (28/10) e assume cargo até 2020. 

A prefeitura de Araras (SP) terá um novo prefeito. Junior Franco (DEM) venceu as eleições suplementares realizadas neste domingo (28/10) e foi eleito para o mandato que termina no fim de 2020. O novo prefeito terá como vice o tucano Carleto Denardi (PSDB). O município tem o quarto maior colégio eleitoral da região, com 97.387 eleitores.

clique na imagem e saiba mais

Franco obteve 47,82% dos votos válidos (31.107 votos) e superou seu principal adversário Bonezinho Corrochel (PTB), que recebeu 28.467 (43,77%), já Daniel Barros (PRTB) recebeu 5.471 votos (8,41%). A Justiça Eleitoral de Araras (SP) ainda contabilizou 4.125 votos brancos e outros 8.427 votos nulos.

A abstenção foi de 20,28% – 19.744 eleitores não compareceram às urnas. A votação, que aconteceu das 8h às 17h, transcorreu em clima de tranquilidade.

O prefeito eleito deverá ser diplomados até, no máximo, 28 de novembro, mas a data ainda será estabelecidas pelo cartório eleitoral local. O mandato será vigente até dezembro de 2020. Veja a comemoração:

Eleição suplementar

Dois meses após vencer a eleição em Araras, Pedrinho Eliseu Filho (PSDB) teve o registro de candidatura negado por estar inelegível pela Lei da Ficha Limpa e ter sido cassado em 2008, quando também ocupava a prefeitura de Araras.

Na época, a Justiça o havia proibido de disputar eleições até 2011, mas a Lei da Ficha Limpa que tinha entrado em vigor um ano antes estabeleceu que candidatos punidos ficariam oito anos sem poder concorrer, o que tornou o prefeito inelegível nas eleições de 2016.

Eliseu Filho teve seu requerimento de registro de candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral de Araras, e a sentença foi mantida pelo TRE. Porém, com a concessão de liminar, ele foi empossado prefeito em 1º de janeiro de 2017. Em abril deste ano, o TSE cassou a liminar que mantinha o prefeito no cargo e determinou novas eleições.


Aviso: Os comentários só podem ser feitos via Facebook e são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros, sendo passível de retirada, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Conforme a Lei 9.610/98, é proibida a reprodução total e parcial deste texto sem a autorização prévia e expressa do autor (artigo 29). ® Todos os direitos reservados ao site REPÓRTER BETO RIBEIRO

Tem uma sugestão de reportagem? Nos envie através do WhatsApp (19) 99861-7717.