Morre menina de 11 anos atropelada por carro alegórico no Rio

Raquel Antunes teve parada cardiorrespiratória, traumatismo no tórax, chegou a amputar uma perna e não resistiu.

A criança de 11 anos que foi atropelada por um carro alegórico na saída da Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro, faleceu na tarde desta sexta-feira (22), no Hospital Municipal Souza Aguiar. Ela estava internada em estado grave, passou por uma cirurgia, mas não resistiu e veio à óbito.

Após o acidente na noite de quarta-feira (20/4), Raquel Antunes da Silva recebeu os primeiros socorros no posto médico da Sapucaí e, em seguida, foi encaminhada já em estado grave para o Hospital Souza Aguiar, no centro da cidade.

Ela perdeu uma perna, que foi amputada, e corria risco de perder a outra. Durante a cirurgia, que durou cerca de 7 horas, Raquel teve parada cardíaca e traumatismo no tórax.

Leia também: 

A menina estava com umas amiguinhas

A tia da criança, Rosana Silva, disse foi correndo para o hospital quando soube do acidente. De acordo com o que lhe contaram, a menina estava com umas amiguinhas conversando enquanto a mãe lanchava.

“Ela estava encostada em um poste quando o carro alegórico passou e atropelou. Foi uma correria, uma gritaria, tinham muitas crianças perto. Carnaval, né?”, explicou Rosana Silva, tia da vítima.

O Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) afirmou que o desfile violou as regras de segurança, ao não respeitar as normas sobre presença de crianças e adolescentes no desfile e na dispersão da escola de samba.

A 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Infância e da Juventude da Capital deve tomar providências.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP