Motoqueiro vai ao Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida pagar promessa e é assassinado

A polícia investiga se os criminosos fazem parte de uma quadrilha especializada no roubo de motos de velocidade.

Uma família está de luto por uma perda trágica: Wagner Maurício, de 51 anos, tinha acabado de concretizar um sonho ao comprar uma moto avaliada em mais de R$ 45 mil. Há cerca de uma semana, resolveu ir a Aparecida (SP) para agradecer pela conquista. No entanto, a viagem de gratidão a cidade do Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida foi interrompida. Wagner morreu em uma tentativa de assalto na rodovia Ayrton Senna. As informações são do Brasil Urgente.

 

A abordagem aconteceu na altura de Itaquaquecetuba, na região da Grande São Paulo. Os dois criminosos estavam em uma moto e anunciaram o assalto. A vítima se assustou, mas não tentou reagir. Mesmo assim, os bandidos atiraram. Um dos disparos atingiu a lataria da moto da vítima. Um amigo que acompanhava no passeio acionou uma viatura da polícia, que passava pelo local na hora do crime.

Os dois bandidos tentaram escapar, mas foram presos em flagrante. Eles ainda tentaram se desfazer da arma, que foi localizada pelos agentes. “A equipe do policiamento rodoviário estava fazendo o patrulhamento na pista sentido capital quando se depararam com esses dois indivíduos na motocicleta, abordando um outro cidadão que estava se deslocando na pista sentido interior. De imediato a equipe desembarcou; eles atravessaram a pista, onde ocorreram disparos. Teve o revide por parte da equipe do policiamento rodoviário”, descreveu o policial rodoviário Mário Celso.

“Nós conseguimos deter os dois indivíduos que praticaram o delito, e uma das armas que foram utilizadas, após fazer a varredura no local, também foi localizada e encaminhada aqui para o DP, para que seja feita a apreensão e dê continuidade aos trabalhos de investigação por parte da Polícia Civil”, completou.

Abalada, a família de Wagner esteve na delegacia, mas não quis gravar entrevista. A polícia investiga se os criminosos fazem parte de uma quadrilha especializada no roubo de motos de velocidade. Uma testemunha viu toda a cena e percebeu que tinha sofrido uma tentativa de assalto pela mesma dupla na semana anterior.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT