Mulher de 33 anos é sequestrada e morta pelo ex-marido em estacionamento de um supermercado em SP

Os familiares da vítima informaram ainda que após o crime, o homem enviou uma imagem da vítima baleada.

 
Uma mulher de 33 anos foi sequestrada e assassinada na noite de quinta-feira (17) pelo ex-marido em um estacionamento na Avenida Aricanduva, na zona leste de São Paulo (SP). O autor está foragido e chegou a enviar uma foto da vítima ferida aos familiares.
 
A recepcionista Paloma Oliveira estava em casa quando foi surpreendida pelo ex-companheiro, Edgar Napolitano. Segundo a SSP-SP (Secretaria de Segurança Pública de São Paulo), ela foi levada por ele até o estacionamento de um supermercado a avenida onde foi morta a tiros. Paloma foi ferida no abdômen e morreu no local. O autor abandonou o carro, que já foi encontrado, e fugiu.
 
Paloma já tinha uma medida protetiva contra Edgar. Os dois ficaram juntos por 19 anos e o relacionamento acabou há um ano. Em 2019, ele ficou preso por dois meses por agredir a recepcionista. Os familiares da vítima informaram ainda que após o crime, o homem enviou uma imagem da vítima baleada. A fotografia e o celular da recepcionista, contendo ameaças, foram apreendidos e encaminhados para perícia.
 
O depoimento do representante do supermercado e as imagens do estacionamento ajudaram a identificar Edgar. As imagens mostram a vítima fugindo do suspeito e sendo alvejada. O caso foi registrado pelo 10º DP e encaminhado ao 31º DP, responsável pela área, que continuará as buscas pelo assassino. A ocorrência foi registrada como feminicídio, ameaça, sequestro e cárcere privado e violência doméstica.

CLIQUE NA IMAGEM E FALE DIRETO PELO WHATSAPP
ÁGIL DPVAT