Mulher de 49 anos morre eletrocutada por lavadora de alta pressão em Sumaré, SP

No objeto foram encontrados vestígios de pele da vítima, ocasionados por queimadura e choque.

Uma mulher de 49 anos, identificada como Rosalina de Fátima Pereira, morreu eletrocutada em sua residência na tarde desta segunda-feira, em Sumaré (SP). O caso aconteceu por volta das 16h, no bairro rural Taquara Branca.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima foi encontrada morta pelo vizinho, que foi até a residência entregar uma caixa de tomate. A mulher estava no chão do varanda, com os braços em volta de uma lavadora de alta pressão.

clique na imagem e saiba mais

No objeto foram encontrados vestígios de pele da vítima, ocasionados por queimadura e choque. A Polícia Cientifica compareceu no local e ao que tudo indica é que a mulher estava lavando a área externa no momento do incidente.

O caso foi registrado como morte acidental no Plantão Policial.