Mulher é espancada e esfaqueada, companheiro foi preso suspeito de agressões em Limeira, SP

Caso aconteceu neste domingo (1º) no bairro Jardim da Graminha; homem foi preso quando tentava fugir no bairro Lagoa Nova.

Uma mulher de 42 anos foi espancada e esfaqueada na noite deste domingo (1º), em Limeira (SP). O principal suspeito é o companheiro dela, de 38 anos, que foi preso em flagrante. O caso foi registrado como tentativa de feminicídio e o quadro da vítima é estável.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), por volta das 19h30, policiais militares foram acionados para ir até uma casa na Rua Doutor Arlindo Justo Batistela, no Jardim da Graminha, para atender um caso de violência doméstica.

Ao chegarem no local, a filha e nora da vítima informaram que o companheiro era o suspeito das agressões, mas a mulher já tinha sido socorrida por uma ambulância do Samu e levada para a Santa Casa da cidade.

Segundo informações da Guarda Civil Municipal de Limeira, o quarto da vítima teria ficado com muito sangue. A mulher teve vários ferimentos no rosto e foi atingida com uma facada no abdômen.

O homem foi encontrado pelos guardas municipais no bairro Lagoa Nova. Ele foi encaminhado para o plantão da Delegacia Seccional de Limeira e confessou o crime, segundo a SSP.

A Santa Casa não informou o estado de saúde da vítima até a última atualização desta notícia. Mas a filha da vítima disse, que a mulher passou por uma cirurgia. Ela sofreu uma lesão no abdômen e também na cabeça. Segundo a família, o quadro dela é considerado estável.

VEJA TAMBÉM: Decreto adia prazo e motoristas de aplicativo em Limeira, SP